Embarque 100% digital está em teste no Rio de Janeiro

A nova fase do projeto Embarque +Seguro foi inaugurada nesta quinta-feira dia 11 no aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro. O projeto pretende transformar o embarque 100% digital, a apresentação do documento de identidade e bilhete aéreo serão dispensáveis.

Testes estão sendo realizados com passageiros voluntários da empresa aérea Azul, onde é usado o recurso de reconhecimento facial, e fotos dos passageiros são comparadas com bases de dados da Serpro, e desta forma é definido se serão liberados para o embarque.

O check-in 100% digital é feito em uma máquina de atendimento, ela envia um SMS ao cliente pedindo autorização para que uma foto seja tirada, esse consentimento do passageiro é necessário de acordo com a (LGPD) Lei Geral de Proteção de Dados. Depois que a foto é tirada o sistema analisa a documentação na base de dados da Serpro e busca confirmar a identidade, depois dessa verificação a passageiro é liberado pelo sistema para ir até à sala de embarque e também à aeronave.

O objetivo da Serpro é de que quando o Ministério da Infraestrutura aprovar o projeto, ele chegue aos aeroportos mais importantes do Brasil. O novo método de embarque está em teste nos aeroportos de Salvador e Florianópolis.

Para realizar a confirmação de embarque são analisados documentos armazenados na Serpro, são eles, título de eleitor e (CNH) Carteira Nacional de Habilitação, entre outros. Mas, o banco de dados da Serpro precisará ser ampliado para que a validação possa ser feita com mais documentos, a empresa tem em média 120 milhões de títulos de eleitor e 67 milhões de carteiras de habilitação com a biometria facial.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.