PROJETO DE LEI quer proibir a venda de veículos a GASOLINA E DIESEL até 2030

O projeto de lei do senado (N° 304/2017) do senador Ciro Nogueira (PP-PI), propõe que a partir de 1° de janeiro de 2030 veículos movidos a combustível fóssil, como diesel ou gasolina não poderão ser comercializados no Brasil.

No dia 12, quarta-feira passada a Comissão de Constituição de Justiça (CCJ) aprovou o projeto, que deve ir para votação na Comissão de Meio Ambiente (CMA) do Senado.

O senador Ciro Nogueira, declarou que os automóveis que precisam de combustíveis fósseis para locomoção, são um sexto os principais responsáveis pelo denominado efeito estufa, segundo o senador já temos opções que ajudam a combater esse problema, como veículos que se movem pela eletricidade.

Por esses motivos, surgiu a posposta de que a partir de 2030 a maior parte dos veículos feitos em nosso país sejam movidos por eletricidade. Seriam liberados automóveis abastecidos com biocombustível, como o etanol.

A proposta é que sejam banidos todos os veículos com motor de combustão até 2040, com algumas ressalvas, como carros oficiais ou dilomáticos, carros de turistas, ou de colecionadores.

O autor do projeto, salienta que na França, no Reino Unido, e outros países desenvolvidos, pretendem proibir até 2040 a comercialização de automóveis que precisam de combustível fóssil para se locomover.

Ciro Nogueira, finalizou. “O Brasil não pode ficar à margem dessa discussão, já que a indústria automobilística aqui instalada tem todas as condições de produzir automóveis tão avançados quanto os usados no exterior”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.