Tiktok pode ser responsável por gravidez infantil, de acordo com a ministra da família

A ministra da família Damares Alves do governo de Bolsonaro, falou sobre a gravidez de crianças influenciada pela rede social Tiktok.

Damares há muito tempo é uma referência na área de cuidado da família e crianças, defendendo os direitos das crianças de crescer sem influências sobre sexualidade e afins.

A rede social de vídeos curtos, de acordo com a ministra tem sido uma maneira das crianças expoem seus corpos, gerando mais chance das crianças terem gravidez prematuramente.

Durante a Semana Nacional de Prevenção à Gravidez na Adolescência, Damares falou dentre muitos associados, sobre a gravidez precoce.

“Não vem papai e mamãe jogar no colo do Ministério da Saúde: ‘resolva, minha filha engravidou’, depois que deixou sua filha de oito anos ir pro TikTok vender seu corpo. Uma coisa está muito atrelada com a outra.”

O Tiktok, por enquanto, não respondeu sobre o que disse a ministra da família do Brasil e possivelmente não fará nenhuma declaração sovre o assunto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.