iFood é autorizado pela Anac a fazer entregas com drones no Brasil

Na última sexta-feira (21), a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) concedeu a primeira autorização ao iFood para entregas comerciais com drones no Brasil. A modalidade é possível através de uma parceria entre o iFood e a Speedbird Aero.

O modelo DLV-1 NEO da fabricante Speedbird Aero foi autorizado para fazer o serviço. A agência explicou que este é o primeiro multirrotor a receber a autorização para operação comercial no país em rotas BVLOS (Beyond Visual Line of Sight, em inglês).

A permissão foi autorizada em um raio de 3 km até mesmo em espaços urbanos, para entregas de cargas de até 2,5 Kg. Não é permitido sobrevoar pessoas, é preciso manter distâncias de possíveis fontes de interferências eletromagnéticas e ter atenção com as alturas máximas e mínimas e verificar as condições meteorológicas.

O iFood acredita que a novidade vai agilizar as entregas, mesmo que os drones fazem somente uma parte do trajeto. A empresa explicou que “[Os drones] levam os pedidos até um droneport (área específica e segura para pousos e decolagens de drones), onde são coletados por um parceiro entregador do iFood que completa a entrega fazendo o transporte até a porta dos clientes”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.